Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.    

1 Timóteo 6:10 

Todas as ações e sentimentos humanos têm um início, uma raiz. De onde surgiu a sua vontade de amar a Deus acima de qualquer coisa e de considerar ao seu próximo como a você mesmo? Com certeza, não foi do amor pelo dinheiro, e sim pelo amor que o próprio Deus colocou em seu coração. Não foram ouro nem prata que transformaram sua vida e lhe tornaram um autêntico cristão, mas sim o precioso sangue de Cristo vertido na cruz por você ( 1 Pe 1:18-19 ). Uma vez, cientes disso, qual a razão de permitirmos em nossa vida que o amor pelo dinheiro roube de nós todo o bem que o Senhor nos alcançou? Busquemos sim por uma vida digna e honesta, trabalhando com as próprias mãos e recebendo dEle a recompensa do nosso labor. Mas nunca permitamos que o ganho financeiro transforme a nossa necessidade pelo dinheiro em amor, levando isso a afastar de nós as riquezas que Cristo nos tem a oferecer.

 

Fonte https://pib7joinville.com.br/estudos/devocionais/4232-o-rico-insensato-segunda-f-eira.html

0
0
0
s2smodern

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Nosso Facebook

Pastores

Pastor Vaner Mombach

Vaner Mombach

Pastor titular PIBSD  Novo Hamburgo

Pastor Edson M. Teixeira

Edson M. Teixeira

Pastor Evangelista

Pastor Martiliano Pimenta

Martiliano Pimenta

Pastor da Congregação boa Saúde

 

Outros sites

Conferência Nacional

Site Conferência Nacional
Site Conferência Nacional

 Site Igreja Joinville

Site da Igreja Batista do Sétimo Dia de Joinville
Site da Igreja Batista do Sétimo Dia de Joinville

 Site de estudos Graça Maior

Site de estudos Graça Maior
Site de estudos Graça Maior

Mais artigos